Dores recebe coordenadores do Projeto Rondon

por Prefeitura publicado 07/04/2016 15h19, última modificação 07/04/2016 15h19

Na última terça-feira (05/04), nas dependências do Cras de Dores do Rio Preto, os professores Marcos Freitas de Moraes da Universidade Estadual do Oeste do Paraná e Sonia Valle Borges de Oliveira da Faculdade de Economia,  Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto São Paulo (USP), coordenadores do Projeto Rondon, apresentaram para os gestores públicos (prefeita, secretários e funcionários em geral), vereadores, presidentes de associações, professores da rede estadual de ensino, representante do INCAPER e comunidade em geral informações sobre a Operação Itapemirim 2016 – Projeto Rondon que ocorrerá em Dores do Rio Preto no período de 17 a 30 de julho deste ano.
O Projeto Rondon é uma parceria entre o Ministério da Defesa (Exército, Marinha e Aeronáutica) e universidades brasileiras. Acadêmicos de todas as regiões do Brasil se reúnem em uma Operação em prol dos municípios abrangidos pela Operação, levando até as comunidades oficinas, cursos, formação e informação que aprenderam em sala de aula, colocando em prática seus conhecimentos em diversas áreas como: saúde, educação, direito e justiça, cultura, meio ambiente, comunicação, tecnologia e trabalho.
Neste período de 17 a 30 de julho de 2016, Dores do Rio Preto receberá uma equipe do Projeto Rondon, composta por 16 acadêmicos e 4 professores coordenadores. Os locais onde acontecerão os trabalhos serão a Praça Manoel Fernandes Dornelas (cinema, teatro, roda de violão, mutirão da saúde, tecnologia, trabalho, etc) e a Escola Municipal Cristina Pimentel onde acontecerão os cursos e oficinas.
Os distrito de Pedra Menina e Mundo Novo, juntamente com as comunidades

de Parada Pimentel, Cerro, e Forquilha do Rio também terão momento exclusivos da Operação.
Os professores coordenadores convidam toda a população de Dores do Rio Preto a participar do Projeto Rondon.
Projeto Rondon – Uma lição de vida e cidadania.